React 16 – o Pacificador

REACT 16

Hoje quero trazer as boas novas do mundo React, era algo que já esperava e esperava que fosse acontecer. Muito se discutiu, nos últimos tempos, sobre a licença, que era um pouco restritiva e muitas empresas estavam saindo do ecossistema por esse motivo.

No dia 25 de setembro de 2017, na versão 15.6.2, já foi mudada essa licença para algo mais permissiva, saindo dessa BSD + patentes para MIT, assim ela fica aberta.

A nova versão do React, a versão 16 também já está nessa licença, isso ficou bastante interessante.

Quero comentar algumas coisas também referente ao React que são coisas que me motivaram aos meus estudos serem focados em React e não em Angular, por exemplo.

Algumas coisas novas, como por exemplo, ele pode retornar um vetor de JSX, uma string, deu uma melhor forma de lidar com erros, mas o que eu queria comentar é que, além da troca da licença, o tamanho foi reduzido. Isso era algo que atrapalhava bastante quando você gerava um bundle. Se não tivesse utilizando uma forma de quebrar esse bundle, ficava muito pesado.

Outra mudança que achei bastante interessante foi que a característica do React foi reescrita todo o core do zero utilizando o projeto Fiber.

Além disso, eles não mexeram nas API’s, então é possível atualizar o React sem quebrar muita coisa, algo que aconteceu, por exemplo, com o Angular.

Eu considero essa versão do React a versão das “pazes” porque a comunidade estava um pouco desanimada.

Deixe suas dúvidas e sugestões nos comentários. Curta o DevPleno no Facebook, se inscreva no canal no YouTube e cadastre seu e-mail para não perder as atualizações. Abraço!